A história das embalagens

Embalagens fazem parte da vida desde a Antiguidade, sendo usadas para proteger, armazenar e transportar artigos. Os materiais mais antigos usados em embalagens primitivas eram coisas simples da natureza, como folhas, peles de animais, frutos secos e madeira.

Durante a revolução industrial, a introdução do maquinário resultou em métodos de embalagens mais eficientes e duráveis, ao passo que o aumento das populações nas cidades levou a um aumento no volume de embalagens menores e individuais. Na década de 1930, apareceram os supermercados durante a grande depressão, o que levou ao fato de que as embalagens essencialmente passaram a “vender” os produtos para o consumidor, por meio da colocação de marcas e da publicidade, sem que as pessoas precisassem das recomendações de um vendedor.

Na segunda metade do século vinte, os plásticos foram rapidamente substituindo os produtos de papel e transformaram-se no principal material das embalagens. Hoje em dia, as embalagens afetam nossa vida cotidiana. Graças à tecnologia avançada no setor de embalagens de plástico, temos muitas inovações que nos levam a ter embalagens práticas, leves e sustentáveis.

LEIA MAIS sobre a evolução das embalagens no decorrer do tempo em www.recyclingcounts.com/packaging-matters.