Saiba o que vai ou não ao cesto para aproveitar ao máximo a coleta seletiva

Para elevar ao máximo a eficácia da coleta seletiva, é importante saber o que se deve ou não colocar no cesto de reciclagem. Quaisquer artigos que possam contaminar materiais recicláveis ou ocasionar problemas nos centros de reciclagem devem ficar de fora. Quais tipos de coisas devemos deixar de fora do cesto? Vejamos.

Coisas que podem embaraçar: Itens como cabos, luzes de Natal e mangueiras podem ficar enrolados no equipamento de reciclagem.

Sacolas: Não coloque itens recicláveis em sacolas. Ao fazer isso, seus recicláveis podem acabar indo parar em um aterro, por conta de substâncias contaminantes na sacola que podem afetar todo seu conteúdo.

Lixo médico: Já que podem apresentar perigo de segurança, esses itens jamais devem ser colocados na coleta seletiva.

Materiais perigosos: Qualquer embalagem que contenha produtos perigosos deve ser excluída. Isso inclui o que é inflamável, corrosivo ou tóxico, como óleo de motor, combustível, tanques de propano e pilhas.

É sempre uma boa ideia falar com o governo municipal e obter as orientações de reciclagem na sua área. Faça com que a coleta seletiva seja aproveitada ao descobrir o que deixar fora dela, porque a reciclagem importa!

Fonte: www.GreenBlue.org